cbg fichas matrimoniais banner

FICHAS MATRIMONIAIS DO RIO DE JANEIRO

O arquivo de fichas matrimoniais do Colégio Brasileiro de Genealogia é útil para pesquisa genealógica na cidade do Rio de Janeiro. Ele contém registros dos séculos XVII ao XX, conforme descrito abaixo:

a) Século XX

Este conjunto contém mais de 12 mil fichas, a maioria referente ao terço inicial do século. São geralmente relacionadas a famílias com projeção na vida social do Rio de Janeiro. Inclui alguns casamentos não realizados nesta cidade, mas onde o casal veio a residir.

b) Século XIX

Maior e mais utilizado conjunto, com mais de 80 mil casamentos. As fichas contêm, no mínimo, a localização da paróquia e livro e folha do registro, mas frequentemente trazem informações de filhos (com batismo e casamentos), profissões, endereços, pais dos noivos e óbitos.

c) Século XVIII

Conjunto com mais de 19 mil fichas. Em função da deterioração ou perda de alguns livros, muitas fichas inferem o casamento através de anotações de batismo de filhos do casal.

d) Século XVII

Conjunto com cerca de 8 mil fichas, obtidas principalmente através de consulta a livros genealógicos. Por não terem sido ainda planilhadas, a pesquisa pode ser realizada apenas na sede do Colégio Brasileiro de Genealogia.

Agradecimento: O arquivo de fichas matrimoniais do Colégio Brasileiro de Genealogia é fruto do trabalho extenso e visionário de levantamento de registros em livros paroquiais realizado nos anos 50 e 60 por Carlos Grandmasson Rheingantz e sua esposa Lucia Grandmasson, Paulo Carneiro da Cunha, Gilson Caldwell do Couto Nazareth, Attila Augusto Cruz Machado, Marieta Alberto Torres, Adalberto Brito Cabral de Mello, Armando Salmont Campbell, Carlos Sayão Dantas e Dalmiro da Motta Buys de Barros; e de sua organização e indexação, coordenada e realizada por Guilherme Serra Alves Pereira, com o auxílio de Juliana Schuery Moreira Gadelha e Angela Maria Duhá.

BUSCA:
Para saber se uma ficha consta da coleção, preencha o campo abaixo com nome(s) e sobrenome(s) do noivo e/ou da noiva. Uma vez confirmada a existência da ficha, contate o Colégio Brasileiro de Genealogia e solicite sua imagem ou detalhes de seu conteúdo. Acesso às fichas é exclusivo a associados do Colégio Brasileiro de Genealogia.

Volatr ao topo